Pontos Turísticas-Cruzília

Capela do Favacho

capela do avacho

Construída em 1755, a capela é uma das mais antigas do país, preservando suas características originais, tem como orago, São José.

.

Fazenda Angahy

fazenda angahy

Construída por volta de 1872, constitui-se em um dos pilares da raça Manga-larga Marchador.

.

Fazenda do Favacho

fazenda do favacho

Sua sede foi construída a mais de 250 anos e é conhecida pela sua arquitetura majestosa e opulenta. Trata-se de uma construção de um só pavimento, como a maioria das construções rurais mineiras dos séculos XVIII e XIX. O que mais chama a atenção é a sua estrutura interna e os detalhes dos portais. A fazenda possui uma capela que foi benta em 1761. Por causa da ação do tempo, algumas intervenções foram necessárias. A capela foi restaurada em março de 2002. A capela foi erguida em honra a São José.

.

Fazenda Traituba

fazenda traibuta

Com mais de 150 anos de tradição, a fazenda representa um pilar da raça Manga Larga Marchador. Foi construída no século XIX, para hospedar D. Pedro I que se encontrava no Sul de Minas.

.

Igreja Matriz de São Sebastião

igreja matriz
A primeira capela, foi benta em 15/08/1892.

.

Igreja Nossa Senhora do Rosário

igreja nossa senhora do rosario
Construída em 1918.

.

Vestígios da Estrada Real

Cruzília integra o Caminho Velho da Estrada Real, também conhecido como Caminho do Ouro. Este era um dos caminhos que dava acesso à região das Minas Gerais, na época do Brasil Colônia. A Estrada Real é um projeto turístico que foi formulado em 2001 pelo Instituto Estrada Real, sociedade civil, sem fins lucrativos, criada pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) com a finalidade de valorizar o patrimônio histórico-cultural, estimular o turismo, a preservação e revitalização dos entornos das antigas Estradas Reais.

Localização: em frente à Fazenda do Angahy, a aproximadamente 10km da sede do município.

 

 

 

Fonte: http://www.correiodopapagaio.com.br/

Copyright © GUIA DA ESTRADA REAL - O seu guia de bolso