História de Coronel Xavier Chaves

coronel xavier chaves2

A pequena cidade se desenvolveu a partir de uma antiga fazenda pertencente ao Coronel Francisco Rodrigues Xavier Chaves. Desejoso de ver o progresso chegar a região, o Coronel doou parte de sua propriedade dando início a um pequeno povoado no começo do século XIX.
De lá pra cá, o povoado recebeu várias denominações e pertenceu aos municípios de Tiradentes e Prados até se tornar cidade. Em 1963 passou a se chamar Coronel Xavier Chaves.
Ainda hoje a fonte de sua economia é a atividade agropecuária, mas a cidade vem se revelando como uma ótima opção de turismo na região. Suas antigas construções, a paisagem natural, o artesanato e a hospitalidade de sua gente atraem visitantes e turistas de várias partes do País.
Atrativo imperdível : Visita ao famoso Engenho Boa Vista, que pertenceu
ao irmão mais velho de Tiradentes, o padre Domingos da Silva Xavier, que conserva a tradição e produz excelente cachaça do mesmo modo que era feita a aproximadamente 250 anos.
“ A história do Brasil que desce redondo ”
O Engenho Boa Vista pertenceu a Domingos da Silva Xavier, o irmão mais velho de Tiradentes, que o recebeu de sua tia Josefa Maria da Conceição Xavier e seu marido Lourenço Coutinho.
Hoje, o engenho conserva a tradição e produz excelente aguardente (cachaça) do mesmo modo que era feita a aproximadamente 250 anos.
Na cachaça Boa Vista percebe-se a pureza e a qualidade inigualável da bebida de produção limitadíssima, destilada em alambique de cobre e envelhecida debaixo do solo em tanques de cimento revestido de parafina.
Segundo informações da EMBRATUR, o Engenho Boa Vista é o mais antigo do Brasil em funcionamento, perfeitamente conservado.

 
Fonte: http://www.tiradentes.net/

Copyright © GUIA DA ESTRADA REAL - O seu guia de bolso